Ah, o amor

DESVENDANDO ALEGORIAS

    O amor é lindo, indescritível, inexplicável e… impossível. Pelo menos pra mim. Porque é que crescemos vendo essas comédias românticas em que mesmo tudo dando errado, dá certo no final? Não que eu não acredite que de alguma forma tudo se resolva, é só que não resolve do jeito que você espera. Algumas histórias de amor têm prazo de validade, e por mais que doa o dobro do tempo depois, o ponto final continua na parte triste, e só resta começar outro capítulo – porque virar a página, além de clichê, não resolve. O amor brota nas formas mais bizarras e indesejáveis na sua vida, isso mesmo, aquele babaca que você disse umas cem vezes que nunca teria algo sério porque simplesmente não valeria a pena. E não é que valeu? Mesmo com todo o sofrimento, as partes boas, aquelas que só vocês dois viram, são absolutamente impossíveis de…

Ver la entrada original 154 palabras más

Anuncios

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s